Facebook jornal do sertão Instagram jornal do sertão Whatsapp jornal do sertao

Pernambuco, 16 de janeiro de 2021

Geral

Dívidas do FIES poderão ser quitadas com prestação de serviços

O objetivo é fazer com que o aluno de medicina que utilize o Fies possa pagar parte de dívida por meio da prestação de serviços públicos.

Postado em 16/10/2019 2019 14:09 , Geral, Últimas Notícias. Atualizado em 16/10/2019 14:09

Jornalista , Editor Antônio José

Programa Mais Médicos no rol de beneficiários do abatimento

A Comissão de Educação aprovou, nesta quarta-feira (16), proposta  que inclui os médicos integrantes do Programa Mais Médicos no rol de beneficiários do abatimento de parte do saldo devedor do Fundo de Financiamento Estudantil (FIES) a partir da prestação de serviços na rede pública.

O objetivo é fazer com que o aluno de medicina que utilize o Fies possa pagar parte de dívida por meio da prestação de serviços públicos. No caso dos estudantes de medicina, o valor é abatido nos serviços de Saúde na Família, feito pelos profissionais do Programa Mais Médicos. Atualmente, os novos contratos do financiamento não permitem o desconto por tais atividades.

Assim,  será possível conceder estímulos que garantam a atratividade do exercício da profissão da medicina não apenas no âmbito do Mais Médicos, mas também aos que atuem no Programa Saúde da Família,  o  objetivo é garantir a concessão de abatimentos nas dívidas, visto que o profissional estará trabalhando para o governo.

O desconto é de 1% do saldo devedor consolidado dos estudantes que atuem como médico integrante de equipe de saúde da família oficialmente cadastrada ou médico militar das Forças Armadas, com atuação em áreas e regiões com carência e dificuldade de retenção desse profissional. E  de  2% do saldo devedor consolidado para estudantes que exercerem a profissão de médicos integrantes do Programa Mais Médicos. Nos dois casos, estão  incluídos os juros devidos no período,  independentemente da data de contratação do financiamento.