Facebook jornal do sertão Instagram jornal do sertão Whatsapp jornal do sertao

Pernambuco, 19 de maio de 2024

Saúde

Brasil já ultrapassa países europeus no ranking da vacinação

O Brasil surpreende o mundo demonstrando a competência do Sistema Único de Saúde (SUS), do país, que em apenas duas semanas, suplantou, o número de pessoas vacinadas em outros países

Postado em 29/01/2021 2021 19:09 , Saúde, Últimas Notícias. Atualizado em 06/02/2021 22:35

Foto : Reprodução Net

Apesar das indefinições iniciais e atraso nas negociações, com  atraso na entrega dos lotes da vacina contra a covid-19, o Brasil ganha destaque internacional  pela por sua eficácia e eficiência de  vacinação. Vejam os números,  1.45 milhões de vacinas contra o Covid-19 aplicadas em menos de duas semanas , que corresponde aproximadamente a 20% do total  doses distribuídas aos Municipios e ao Distrito Federal  ,  desde 17.01 ,  pelo Governo Brasileiro no Programa Nacional de Imunização

Brasil no Mundo ! Dados de Vacinacao Global de Acordo com os Levantamos  Our World in Data

O processo de vacinação contra a Covid-19 no Brasil, de acordo com os dados da Our World in Data da Universidade de Oxford, começa a aparecer nas estatísticas internacionais de vacinação e ganha destaque.

Os dados  mostram  com destaque que o  Brasil já vacinou aproximadamente 1.45 milhões de pessoas em menos duas semanas, segundo informa o

Our World in Data.

Vale  destacar que,  diante  desses números,  o Brasil já ultrapassou alguns países europeus que começaram suas campanhas de vacinação mais cedo, como Portugal,  que teve início em 28 de Dezembro; Suíça; que teve início antes do Natal e Dinamarca; que começou a campanha em 27 de dezembro . Já ultrapassamos também a Rússia , França,  Espanha , Canadá   e Espanha. Como se pode constatar na tabela abaixo divulga pelo Our World in Data nesta quinta-feira 28.01.2021.

A as distribuições hiperlocais do SUS

Atribuímos essa competência ao:   SUS – Sistema único de Saúde, considerado  um dos maiores sistemas de saúde pública do mundo,  com capacidade para atender uma população de mais de 100 milhões de usuários. Diferentemente de sistemas de outros países, como,  o  Sistema Único  Nacional, usado no  Reino Unido e  Canadá,     que atendem  uma população inferior a 100 milhões de habitantes. No Brasil, o SUS   é detentor de   capilaridade nacional, atuando,  conjuntamente,    com os programa locais de imunização, o que lhe permite agilidade e  eficiência no processo de imunização.

Isso traduz a confiança no sistema SUS do Brasil, uma instituição, eficiente, capaz de acelerar a logística de entregas das vacinas e consequentemente   da vacinação,   em uma  população,  de  mais de 5.000 municípios brasileiros. São os heroicos profissionais do SUS  que,  em seu  campo de batalha,  estão dando o melhor de si.    Profissionais que merecem o nosso respeito, nos quais acreditamos e confiarmos.

O Brasil  é um país detentor de  características próprias   quando o assunto é vacinação. Portanto,   não  deve  ser comparado  a outros países.  O (SUS)   é uma instituição genuinamente brasileira. O sistema     também existe em outros países  mas suas características,  são diferentes da nossa. Nenhum deles  tem a  expertise  logística de vacinação,  como o Brasil.

É como diz o nosso colunista de educação, Professor Aloisio Sotero: Que venham mais vacinas  Brasil…  porque o que o precisamos,  já temos, é o  SUS .