Facebook jornal do sertão Instagram jornal do sertão Whatsapp jornal do sertao

Pernambuco, 26 de setembro de 2021

Economia

Autodisciplina por Tikinha Albuquerque

Hoje Tikinha fala sobre autodisciplina e disciplina, diz que sem elas dificilmente a pessoa chegará a algum lugar, sem atropelos.

Postado em 12/04/2021 2021 13:56 , Economia. Atualizado em 12/04/2021 14:00

Tikinha Albuquerque Master Coach Escreve a Coluna Empreendedorismo para o JS Foto : Arquivo Pessoal

Disciplina é uma palavra que tem a mesma etimologia da palavra “discípulo”, que significa “aquele que segue”.
Autodisciplina é a habilidade de aderir a ações, pensamentos e comportamentos que resultem em crescimento. Sem disciplina, dificilmente você chegará em algum lugar sem atropelos pelo meio do caminho. A pessoa indisciplinada desperdiça seu potencial e o seu tempo em situações desgastantes e complexas.
Trago 4 elementos necessários para desenvolver a autodisciplina:
1) Motivação;
2) Objetivos;
3) Autocontrole;
4) Persistência.

Como Conquistar?
No entanto, algumas pessoas acreditam que a tal disciplina é um dom, e aí… tenho uma boa notícia: a gente não nasce com ou sem disciplina.
Disciplina é uma HABILIDADE, logo, pode ser desenvolvida e aprendida, deve ser treinada, exatamente, como você treina o seu músculo.
Veja como:

1 – Coloque ponto final nas desculpas.
Seres humanos são especialistas em desculpas, em colocar a culpa no outro. O fato de que a situação não está boa, ou que fulano fez algo errado, não achei o que precisava, tudo serve de desculpas para não fazer o que deve ser feito, e assim, manter a “fachada” que a culpa não é sua. Para chegar onde você quer chegar vai ter que fazer muita coisa que não gostaria de fazer… PONTO. Não há como fugir disso!
Lembre-se: que cada vez que você atribui as suas questões a uma instituição ou pessoa, você abre mão de seu único poder: o poder sobre si mesmo de decidir. Algo ou alguém podem realmente ser a origem das suas questões, entretanto, a solução de cada situação tem origem em VOCÊ! Portanto, deixe de lado “as desculpas”, as pessoas e o possível mal que lhe causam ou causaram. Pense em como você irá evoluir e vencer cada um dos seus desafios.

2 – Comece devagar – 1% a cada dia!
Nenhum campeão de atletismo começou correndo 20 km, concorda? Sendo assim, você não irá se transformar no que quer ser do dia para noite. Essa transformação será conquistada dia a dia, com dedicação e disciplina.
Mirar alto é bom e é necessário, porém, o sucesso é a soma de pequenos passos. Você começa no pouco e possível. Faça isso todos os dias, devagar e com constância e aumente a micro meta em 1%. Como um atleta em treinamento, você começará andando… depois andando mais depressa e por fim, correndo. Ao cumprir uma micro meta você manda a mensagem para o teu cérebro de que VOCÊ ESTÁ DETERMINADO. De que você TERMINA O QUE COMEÇA. E isso faz com que cada dia você queira se desafiar um pouco mais… você começa a gostar disso!
Estabeleça metas modestas – manter seus papéis organizados, acordar 15 minutos mais cedo, estipular tempo para redes sociais, determinar quantos dias por semana e tempo de atividade física. Quando estiver sentindo-se bem treinado, exija um pouco mais. Como um músculo que se torna mais forte, a disciplina irá se tornar um hábito cada vez mais arraigado a cada vitória sobre si mesmo.

3 – Fuja da armadilha das exceções
Uma vez que tenha estabelecido sua meta inicial de disciplina, evite abrir exceções. Quando começamos a fazer exceções, elas se tornam a nova regra. E o seu objetivo vai por água abaixo. Por isso que é importante começar aos poucos, com coisas que você seja efetivamente capaz de cumprir e que lhe tragam resultados plausíveis para manter a sua motivação.
Ao se deparar com imprevistos pare e analise o que de melhor você pode fazer, as vezes será necessário abrir exceções, porém, a causa deve ser muito nobre para você e para os demais envolvidos.

4 – Nada de querer mudar o mundo todo a sua volta
Não existe nada mais incomodo do que um ex-fumante que se dedica a “converter” os fumantes na sua campanha contra o fumo.
Da mesma forma, o fato de você ter optado por ser uma pessoa disciplinada, não significa que, a partir de agora, você irá exigir que todos ao seu redor vivam pelos seus novos parâmetros. Traga as pessoas para perto de você e as envolva para que possa ganhar mais adeptos aos seus novos hábitos.
Deixe bem longe de você o pensamento, que cumprir as tarefas que você se impôs é um fardo pesado demais. Coloque seu foco no objetivo final!
Manter a disciplina diariamente será apenas a nova maneira incorporada para chegar aos seus objetivos.
Para ficar mais leve e divertido o caminhar, faça um favor a si e aos que vivem com você – faça da alegria uma nova disciplina.
Mantenha a consistência: Clareza na direção + movimentando-se em micro metas diárias.