Facebook jornal do sertão Instagram jornal do sertão Whatsapp jornal do sertao

Pernambuco, 27 de setembro de 2021

Política

Entre candidatos, sobra ódio e faltam projetos Por Angelo Castelo Branco

O clima ácido da campanha eleitoral prematura que se instalou no Brasil deverá pautar as atitudes e os discursos dos que pretendem disputar as preferencias da sociedade daqui a 18 meses. O ódio entre os grupos ideológicos tende a crescer e poderá causar confrontos de consequências imprevisíveis no congresso nacional e nas ruas

Postado em 18/04/2021 2021 07:24 , Política, Últimas Notícias. Atualizado em 17/04/2021 20:31

 

Angelo Castelo Branco Jornalista e Escritor

Luta pelo poder segue desenfreado

O clima ácido da campanha eleitoral prematura que se instalou no Brasil deverá pautar as atitudes e os discursos dos que pretendem disputar as preferencias da sociedade daqui a 18 meses. O ódio entre os grupos ideológicos tende a crescer e poderá causar confrontos de consequências imprevisíveis no congresso nacional e nas ruas.

Muito veneno nas mensagens

A esquerda e a direita já elegeram as suas pautas e motes. O bolsonarismo vai escancarar até o limite máximo todas as denúncias, investigações, condenações e prisões de figurões do PT envolvidos em desfalques nas estatais, propinas, envios de recursos para obras no exterior e também contestar a narrativa de êxito do lulismo argumentando que o partido foi defenestrado do poder num impeachment, deixando 12 milhões de desempregados.

 A oposição responde com a pandemia

Por sua vez, a esquerda vai intensificar a narrativa de genocida contra Bolsonaro, alicerçada no número de mortes provocadas pela pandemia e pelo vacilo do governo na estratégia da imunização. O cenário autoriza a antever mais uma campanha eleitoral movida por agressões de lado a lado e pobre em projetos do interesse da nação.

Altos e baixos na CPI

Como havíamos previsto, a temperatura vai subir também por causa da inclusão de governadores e prefeitos no foco da CPI da pandemia. Há um certo desconforto no discurso dos que criticam a abrangência dos estados. Fica delicado perante eleitores se argumentar contrariamente à investigação de suspeitas de desvios de dinheiro e superfaturamento.

Quem é Angelo Castelo Branco : Jornalista e Escritor

Assessor de Comunicação do Ministério da Educação

Secretário de Impressa da Prefeitura do Recife

Gestor de Comunicação da Celpe depois da privatização pelo grupo Iberdrola.

Autor dos Livros: Provocações da Memória (2008) e Um Artífice do Entendimento biografia do Ex-vice presidente da República, Marco Maciel (2017) José Ramos e Roberto Magalhães.

JS Política