Facebook jornal do sertão Instagram jornal do sertão Whatsapp jornal do sertao

Pernambuco, 04 de agosto de 2021

Bem Estar

Aprenda a ser feliz Por Antônio José

A felicidade já existe e está adormecida entro de todos nós independentemente de gênero, cor, status e nível social, ela faz parte de um aprendizado que brota do amor próprio e da necessidade do espírito, que pode   ser exercitado na direção dessa conquista.

Postado em 03/07/2021 2021 13:41 , Bem Estar. Atualizado em 03/07/2021 14:15

 

Antônio José Jornalista e Editor do Jornal do Sertão

Desde o seu nascimento até a morte os seres humanos convivem com aprendizados em diversas áreas de sua existência, como educação familiar, educação escolar, educação universitária, mestrado, doutorado e outras especializações importantes, as quais  lhes permitem obter conhecimento e o consequente sucesso profissional em suas vidas. Sendo assim se aprofundam neste conhecer e esquecem que o fator da realização profissional, é só um dos tópicos exigidos para se obter o sucesso na  caminhada da vida.

O sucesso pleno e a felicidade exigem  conhecimento nas mais diversas áreas da existência humana, muitas vezes, pouco entendidas e vista por muitos como subjetiva, quando  na verdade, são mais objetivas e realistas que a própria imaginação. A felicidade é um sentimento amplo e irrestrito, por isso, ela é restrita àqueles que são grandes e conseguem acreditar muito além daquilo que ver e pega.  Felicidade é  Fruto de uma conquista contingenciada por sentimentos do mesmo nível. Portanto, é preciso que haja conhecimento e maturidade espiritual suficientes, para que seja possível vivenciar e sentir a conexão profunda existentes nas entranhas do próprio ser.

 

Mudanças Que Acalantam a Alma.

Alguns sentimentos que nutrimos, mesmo que inconscientemente, são extremamente nocivos e dificultam a conquista do sucesso e do bem estar. O ódio a raiva e o descontentamento são alguns deles, só como exemplo. Para que esses sentimentos não façam parte do seu repertório de vida é preciso uma mudança de comportamento com relação a eles. Farei aqui uma analogia do fato para facilitar a compreensão. Quando vamos a um supermercado escolhemos comprar o biscoito que gostamos ao invés de odiar o biscoito que não gostamos. Igualmente você pode tratar a sua vida escolhendo o que você simplesmente quer, em lugar de resistir ao que você não prefere. Prático assim, saiba que o que se percebe é a forma, mundo do efeito, mas o que imagina e visualiza, é a causa mental que produz os efeitos, que podem ser vistos no mundo da forma. Assim em lugar de perceber passivamente no mundo externo as coisas que aborrecem, resistindo a elas e as excluindo, ao invés de despercebe-las; você estará atraindo mais disso para a sua vida.

 

Focalize Seus Desejos Com Grandiosidade

O melhor é imaginar e visualizar ativamente as coisas do modo que você gostaria que elas fossem. Querer, desejar ou preferir, são forças atraentes, desde que focalizadas nos seus desejos. Precisar é uma força repulsiva, desde que seja focalizada na carência do que você deseja. Assim quando você perceber em sua realidade algo que lhe aborrece e lhe faz mal, em lugar de resistir e tentar excluir isto, simplesmente mude seu foco e imagine ou se lembre ou visualize a situação do modo que você preferiria que  fosse, o modo que lhe faz tanto bem. Sempre que você perceber alguma coisa que lhe aborrece, como uma notícia ruim, ao invés de ficar transtornado sobre o que ouve, que é uma resistência ao que você está percebendo e por conseguinte atraindo mais disso para sua realidade de vida, é melhor imediatamente imaginar e visualizar o que você quer imediatamente. O Universo é grandioso e nos permite saber quando estamos resistindo a algo e tentando excluir isso da nossa realidade. O sentimento ruim entra em nosso intestino (plexo solar). Assim, quando notar esse sentimento, pense nisto como uma notificação do espírito: aqui há algo que estou tentando resistir/excluir da minha realidade. Gaste um momento quieto consigo, enquanto tenta ouvir o seu coração. Seja Feliz.