Facebook jornal do sertão Instagram jornal do sertão Whatsapp jornal do sertao

Pernambuco, 21 de setembro de 2021

Política

Políticas Públicas de fomento ao Empreendedorismo Jovem

O empreendedorismo jovem vem crescendo em nosso país. A inquietude, aliada a necessidade diante as poucas oportunidades de emprego, tem feito os jovens a buscarem o empreendedorismo, como uma oportunidade para geração de renda.

Postado em 27/08/2021 2021 15:58 , Política. Atualizado em 27/08/2021 20:30

Colunista

 

Especialista em Gestão Pública, Aluísio Sampaio escreve quinzenalmente a coluna “Políticas Públicas”,

De acordo com o programa de pesquisa Global Entrepreneurship Monitor (GEM), realizada no Brasil, pelo Instituto Brasileiro de Qualidade e Produtividade (IBQP), com apoio do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE), mais de 13 milhões de jovens adultos entre 25 e 34 anos, possuem algum empreendimento. Em busca de fomentar o desenvolvimento econômico e incentivar a cultura empreendedora entre os jovens, vem o exemplo da cidade de Petrolina, situada no interior do Estado de Pernambuco, na Região Sertão do São Francisco, distante aproximadamente 700 km da capital, Recife, com uma população estimada em mais de 350 mil habitantes, conhecida nacionalmente e internacionalmente como a “Califórnia Sertaneja”, pelo destaque na produção e exportação de manga e uva para Holanda, Reino Unido, Estados Unidos, Espanha, Alemanha, Canadá e Argentina e que, de acordo com o levantamento realizado pela Consultoria Urban Systems e publicado pela Revista Exame, a cidade é considerada como a segunda melhor cidade do Brasil para se investir no agronegócio. E ainda, conforme estudo feito pela Endeavor, organização global sem fins lucrativos de estímulo ao empreendedorismo, em parceria com a Escola Nacional de Administração Pública (ENAP), entidade vinculada ao Ministério da Economia do Brasil, que oferece formação e aperfeiçoamento em Administração Pública aos servidores públicos federais, Petrolina está entre as 100 melhores cidades do país para se empreender. Vale destacar que, em âmbito estadual, segundo o estudo, é apontada como a segunda melhor cidade para empreender, ficando atrás apenas de Recife. À vista disso, a prefeitura, por meio da Agência Municipal do Empreendedor (AGE Petrolina), criou o “Projeto Jovens Empreendedores”.

 

Projeto jovens Empreendedores

O “Jovens Empreendedores”, consiste em uma oferta de linha de crédito para jovens entre 18 e 35 anos, no valor de até R$ 7.000,00 mil reais, com até 04 meses de carência para iniciar o pagamento do financiamento, taxa de juros de 0,6% a.m. e prazo de 24 meses (incluindo a carência), para quitação total do crédito. Para ter acesso ao financiamento, basta não possuir restrição diante os órgãos de proteção ao crédito, morar na cidade e participar de uma série de palestras, que serão realizadas pelo SEBRAE Unidade Petrolina, instituição parceira da AGE Petrolina, abordando temáticas ligadas a ideação de modelo de negócio, fluxo de caixa, formação de preço e plano de negócio. E ainda, o jovem empreendedor, contará com uma mentoria de um consultor do SEBRAE, para colaborar no desenvolvimento da ideia de negócio. Só para se ter uma ideia do interesse dos jovens pelo projeto, mais de 3.000 buscaram obter “acesso ao crédito. O empreendedorismo é uma iniciativa importante para o desenvolvimento econômico e social de um país, além de impulsionar a inovação e estimular o mercado de consumo. Uma medida relevante, por parte do governo municipal, em prol do avanço da cidade, por meio da juventude.

 

Quem é Aluísio Sampaio: Sertanejo Pernambucano, da Capital do Vaqueiro, Serrita, é Mestre em Dinâmicas de Desenvolvimento do Semiárido, pela Universidade Federal do Vale do São Francisco (UNIVASF). Especialista em Gestão Pública Municipal e Saúde, também pela UNIVASF. Possui extensão em Empreendedorismo pela Universidade Estadual do Ceará (UECE), e Inovação e Difusão Tecnológica pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Graduado em Computação pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), e Administração, pela Universidade Norte do Paraná (UNOPAR). Técnico em Recursos Humanos pela Escola Técnica Estadual Professor Antônio Carlos Gomes da Costa (ETEPAC), e Logística, pela Escola Técnica Estadual Professor Agamemnon Magalhães (ETEPAM). Bolsista de Pesquisa e Desenvolvimento no Projeto “Agritech.NE”, na Embrapa Semiárido. Entusiasta do desenvolvimento econômico, social e ambiental. Instagram: @aluisio_sampaio E-mail: sampaioaluisio@hotmail.com