Facebook jornal do sertão Instagram jornal do sertão Whatsapp jornal do sertao

Pernambuco, 21 de setembro de 2021

Política

Trabalho e Sociedade : Uma relação indissociável

Atualmente, na sociedade capitalista, o trabalho é realizado para suprir as necessidades sociais, além de gerar lucro a partir da exploração.

Postado em 09/09/2021 2021 22:04 , Política. Atualizado em 09/09/2021 22:42

Colunista

Bárbara Samapio Assistente Social

Interpretar a sociedade, embora seja algo complexo, pode ser feita através do estudo do modo como o homem organizou-se para o trabalho. Logo, vale destacar que nas comunidades primitivas o “trabalho” era visto como uma resposta do ser humano às suas necessidades básicas, tais como: fome, abrigo, vestimenta, defesa – não podendo ser separado dos demais aspectos da vida social: ritos, mitos, festas, artes, sistema de parentesco, entre outros.

Atualmente, na sociedade capitalista, o trabalho é realizado para suprir as necessidades sociais, além de gerar lucro a partir da exploração dos recursos naturais. Ou seja, o lucro que é obtido através da extração da mais – valia é cada vez  mais almejado, não levando em consideração o limite da natureza e do ser humano como um ser social, mas sim um objeto de exploração e extração de lucros.

Nessa perspectiva, Locke atribuiu ao trabalho a fonte de toda a propriedade. Adam Smith afirmou que o trabalho é a fonte de toda a riqueza. Marx, embora não concordando com as ideias liberais, consolidou essa compreensão ao referir o trabalho como fonte de toda a produtividade e a expressão da própria humanidade do homem.

Logo, a função do trabalho no capitalismo está pautada no seguinte aspecto: lucrar afim de acumular e gerar fonte de riqueza a partir da competição no mercadode trabalho. É nesse contexto que começam aparecer estudos na sociedade sobre: condições de vida, legislação trabalhista, saúde, mortalidade infantil, moradia, formação profissional, composição racional, salário, jornada de trabalho, dentre outros.




Com isso, é relevante compreendermos que na sociedade existe dois tipos de trabalho: abstrato e o concreto. O trabalho abstrato
está relacionado aquantidade de energia humana empregada na elaboração das mercadorias e é caracterizado pelo valor de troca. Já o trabalho concreto requer habilidades, conhecimentos, meios de produção e é caracterizado pelo valor de uso (utilidade).

 

Psicologia organizacional do trabalho

Para isso, a psicologia organizacional do trabalho surge para construir inovadores caminhos de educação para o trabalho, problematizar os processos psicossociaisadvindos das relações de trabalho, bem como as novas ferramentas tecnológicas que vem interferindo na saúde mental dos trabalhadores, visto que, essas ferramentas tem se  difundido nos espaços sócio-ocupacionais numa velocidade muito maior que a capacidade humana de aprender a lidar com elas de maneira ágil, eficiente e eficaz.

Desse modo, essa relação desproporcional

( tecnologia e a capacidade humana de aprender a lidar com elas) vem interferindo diretamente na tríade comportamento humano, trabalho e organizações, visto que, o ambiente de trabalho é um dos elementos que determinam o sucesso de uma organização, bem como o processo saúde/doença dos trabalhadores.

Portanto, a gestão de pessoas (valorização dos empregados (salarial e formação contínua; trabalho recompensador e seguro; estimulo para os empregados serem produtivos e realizarem trabalho eficiente e eficaz)é relevante quando ressaltamos a relação indissociável trabalho e sociedade num mundo globalizado, no qual agir organizacionalmente/racionalmente é e se faz necessário.