Facebook jornal do sertão Instagram jornal do sertão Whatsapp jornal do sertao

Pernambuco, 29 de fevereiro de 2024

Saúde

Dia Mundial do Sono

Especialistas indicam o que fazer para ter um sono com mais qualidade e evitar problemas de saúde

Postado em 17/03/2023 2023 13:44 , Saúde. Atualizado em 18/03/2023 11:34

Jornalista ,

 

 

Dormir bem e ter um sono de qualidade pode significar ter uma vida mais saudável e até evitar algumas doenças. Mas nem sempre isso é possível. A OMS – Organização Mundial de Saúde alerta que quatro em cada 10 pessoas no mundo dormem mal. No Brasil, cerca de 65,5% da população se queixa de não ter um sono de qualidade, segundo um estudo da Unifesp publicado na revista Sleep Epidemiology.

O Dia Mundial do Sono é comemorado em 17 de março, uma data para lembrar que esse momento é importantíssimo para preservar a saúde das pessoas. O Crefito-2, Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional da 2ª Região traz informações práticas para a população em geral, orientadas pelos fisioterapeutas especialistas em distúrbios do sono.

 

Entre as funções fisiológicas do sono, que são vitais para todo ser-humano, estão:

– Regulação da frequência cardíaca;

– Relaxamento e regeneração muscular;

– Secreção do hormônio do crescimento;

– Consolidação do aprendizado e memória;

– Regulação da pressão arterial.

 

A desordem do sono com maior incidência é conhecida como a Síndrome de Apneia Obstrutiva do Sono, que atinge cerca de 30% da população adulta e foi reconhecida como problema de saúde pública. A apneia obstrutiva é aquela, que apesar dos movimentos torácicos presentes, a faringe (via aérea superior) está parcialmente obstruída, causando ronco, deixando boca e garganta secas e impedindo a passagem do ar. A preocupação dos fisioterapeutas, além da qualidade de vida dos pacientes, são os impactos causados a partir da apneia obstrutiva: “quem apresenta esta síndrome tem maior tendência a ter infarto do miocárdio e derrame cerebral a médio e longo prazos”, informa o Fisioterapeuta Dr. Leonardo Fonseca, do Crefito-2 e do Hospital Federal dos Servidores do Estado, no Rio de Janeiro.

Como avaliar a qualidade de sono?

Os fisioterapeutas especializados em distúrbios do sono realizam avaliações da qualidade do sono. A primeira etapa é através de dois questionários internacionais de análise: EPWORTH e Stop-Bang. Pelas respostas é capaz de mapear os sintomas e então, dependendo da pontuação alcançada, é feito um dos exames mais detalhados, como a poligrafia respiratória. São os fisioterapeutas os profissionais que também conduzem o tratamento dos casos positivos para a síndrome, com o uso de aparelhos de pressão positiva nas vias aéreas – o cpap ou bipap, utilizados na terapia, assim como o fortalecimento da musculatura respiratória, quando necessário. Esses aparelhos injetam fluxo de ar constante durante o sono, garantindo assim a manutenção da abertura das vias aéreas.

O Presidente do Crefito-2, Dr. Wilen Heil e Silva, comenta que os “fisioterapeutas especializados em distúrbios do sono realizam com excelência o tratamento e o acompanhamento dos pacientes que sofrem desse mal, trazendo mais qualidade de vida e evitando doenças consequentes”.

Os 10 mandamentos para uma boa noite de sono:

  1. Ter horário regular para dormir e para despertar
  2. Ir para a cama somente na hora de dormir
  3. Manter um ambiente saudável
  4. Não fazer uso de álcool próximo à hora de dormir
  5. Não utilizar medicamentos para dormir sem orientação médica
  6. Não exagerar em café, chá e refrigerante
  7. Realiza atividade física em horário adequado, nunca próximo ao horário de dormir
  8. Jantar moderadamente horário regular adequado
  9. Não levar problemas para a cama
  10. Realizar atividades repousantes e relaxantes após o jantar

Fonte: Câmara Técnica de Fisioterapia nos Distúrbios do Sono do Crefito-2

Uso de celular, televisão e dispositivos eletrônicos

Os especialistas também alertam para o uso excessivo e especialmente próximo ao horário de dormir, que as pessoas fazem de dispositivos eletrônicos como o celular, tablets, smart whatches e também da televisão. Além de chamar atenção e deixar a mente mais ativa pelos conteúdos acessados e assistidos, a iluminação que esses aparelhos emitem, especialmente no horário noturno, fazem o corpo entrar em estado de alerta, dificultando a chegada do sono.

 

Evento “Sono & Saúde” no Rio trará avaliações gratuitas, orientações e brindes

 

A cidade do Rio terá uma programação especial de conscientização e avaliação para comemorar o Dia Mundial do Sono. É o evento gratuito “SONO & SAÚDE” que acontecerá no próximo sábado, dia 18 de março, na Feira de Antiguidades da Praça XV (centro do Rio).  A ação é promovida pelo Crefito-2 e terá fisioterapeutas especializados dos distúrbios do sono fazendo avaliações gratuitas da qualidade do sono, muitas orientações e dicas, além de distribuição de brindes aos visitantes das tendas do “Sono & Saúde”.

 

Sono & Saúde – evento gratuito

Realização: Crefito-2 (Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional da 2ª Região)

Data: 18 de março (sábado), de 9h às 14h

Local: Feira de Antiguidades da Praça XV de Novembro

Rua Primeiro de Março, Largo do Paço – centro do Rio

Mais informações: www.crefito2.gov.br

Sobre o CREFITO-2

Conselho Federal de Fisioterapia e Terapia Ocupacional da 2ª Região (Rio de Janeiro) é uma autarquia federal, entidade de classe profissional focada em defender o acesso irrestrito da população às melhores práticas, através da fiscalização do exercício profissional e da promoção de políticas públicas em favor da sociedade.

Sobre a Feira de Antiguidades da Praça XV

Acontece todo sábado nos entornos do Paço Imperial, centro histórico do Rio, próximo às barcas, ao Arco do Teles, com grande circulação de pessoas. De fácil acesso fácil através de barcas, ônibus, VLT e metrô, a Feira de Antiguidades acontece há 50 anos, tendo se tornado uma feira cultural, trazendo não só antiguidades, mas artesanato, confecções e gastronomia para a cidade do Rio de Janeiro.