Facebook jornal do sertão Instagram jornal do sertão Whatsapp jornal do sertao

Pernambuco, 19 de maio de 2024

Economia

Exportações de mangas do Brasil batem recorde em outubro, ultrapassando números do país

Exportação de Manga pelo Brasil: Volume e Crescimento Anual No mês de outubro deste ano, o Brasil exportou cerca de 46,1 mil toneladas (t) de manga. Este número supera a quantidade exportada pelo país em outubro de 2021 (42,9 mil t) e outubro de 2020 (34,8 mil t) e também ultrapassa a máxima histórica registrada […]

Postado em 07/11/2023 2023 17:35 , Economia. Atualizado em 07/11/2023 17:38

Exportação de Manga pelo Brasil: Volume e Crescimento Anual

No mês de outubro deste ano, o Brasil exportou cerca de 46,1 mil toneladas (t) de manga. Este número supera a quantidade exportada pelo país em outubro de 2021 (42,9 mil t) e outubro de 2020 (34,8 mil t) e também ultrapassa a máxima histórica registrada entre 2012 e 2020, que foi de aproximadamente 41,3 mil t. Ao todo, nos primeiros dez meses deste ano, o país exportou cerca de 187 mil t, representando um aumento de 18,33% em relação ao mesmo período de 2022.

A Valorização da Manga Brasileira: Aumento nas Receitas Médias em Outubro

Em Outubro deste ano, as exportações de manga atingiram o valor de US$ 51,9 milhões, superando o máximo histórico de US$ 40,8 milhões até 2020. No mesmo mês, a receita gerada foi de US$ 37,6 milhões, enquanto em Outubro de 2022, alcançou US$ 28,8 milhões. Esses números indicam um aumento na receita média, sinalizando uma valorização da manga brasileira.

As exportações se concentraram principalmente na variedade Palmer para a Europa e Tommy para os Estados Unidos. Em relação aos destinos, em 2023, 43,3% das mangas foram enviadas para a Holanda, 20,2% para a Espanha, 17,4% para os Estados Unidos, 5,4% para o Reino Unido e 4,6% para Portugal.

Sobre as vias de exportação, 88,9% foi marítima, 7,4% aérea e 3,6% rodoviária. A maior parte das frutas teve origem na Bahia (47,50%) e em Pernambuco (46,10%). São Paulo (3%), Rio Grande do Norte (2,204%) e Ceará (0,70%) também contribuíram para os resultados obtidos com as exportações de manga.

A taxa de câmbio esperada pelo mercado para o final do ano é de R$5,00 para 1 dólar.

João Ricardo Lima
Embrapa Semiárido
https://tinyurl.com/3wjupwda