Facebook jornal do sertão Instagram jornal do sertão Whatsapp jornal do sertao

Pernambuco, 24 de fevereiro de 2024

Educação

Parceria entre Transforma Petrolina e UPE traz curso de Letramento Digital para a cidade

A Universidade de Pernambuco iniciou o curso “Letramento Digital” em parceria com o projeto “Educação que Transforma” do Transforma Petrolina. O objetivo é oferecer educação tecnológica gratuita para pessoas com dificuldades em manusear ferramentas de computador e celular. O cronograma do curso conta com aulas práticas sobre e-mail, redes sociais, whatsApp,  sites do governo, compra […]

Postado em 07/11/2023 2023 13:28 , Educação. Atualizado em 07/11/2023 13:26

ASCOM

A Universidade de Pernambuco iniciou o curso “Letramento Digital” em parceria com o projeto “Educação que Transforma” do Transforma Petrolina. O objetivo é oferecer educação tecnológica gratuita para pessoas com dificuldades em manusear ferramentas de computador e celular.

O cronograma do curso conta com aulas práticas sobre e-mail, redes sociais, whatsApp,  sites do governo, compra virtual e identificação de fake news.  As aulas ocorrem na sede do Transforma Petrolina, no Parque Josepha Coelho, e cada aluno tem acesso a um computador do projeto. A programação também inclui atividades de casa para que os participantes aperfeiçoem o uso dos equipamentos tecnológicos.

Ao todo, estão sendo atendidos 30 alunos, que foram divididos em duas turmas pela manhã. O curso faz parte de um projeto de extensão universitária, em escala estadual e ocorre simultaneamente em 10 municípios pernambucanos com a coordenação geral o Prof. Dr. Odair de Carvalho, coordenação local da Profa. Dra. Thaís Guimarães e monitoria do   aluno do Curso de Licenciatura em Geografia da UPE – Campus Petrolina, Elioenai Freire.

Para a coordenadora voluntária do Transforma Petrolina, Alinne Durando, que participou da aula inaugural,  a parceria através do projeto “Educação que Transforma” constrói pontes entre universidade e comunidade, além de possibilitar novas oportunidades. “É muito importante essas conexões estratégicas para que iniciativas  como essas ultrapassem os muros da academia e façam a diferença na vida das pessoas”, afirma.