Facebook jornal do sertão Instagram jornal do sertão Whatsapp jornal do sertao

Pernambuco, 10 de julho de 2024

Cultura

Milho: O Protagonista da Gastronomia no mês Junho

Simples e delicioso, o milho cozido na espiga é uma das formas mais tradicionais de consumir milho nas festas juninas. Cozido com sal e servido com manteiga, é um lanche prático e saboroso.

Postado em 11/06/2024 2024 13:28 , Cultura. Atualizado em 01/07/2024 13:44

Reprodução

Com a chegada do mês de junho, o milho se torna a estrela das festas juninas e das cozinhas brasileiras. Este grão versátil, que tem raízes profundas na cultura e na culinária do país, ganha destaque em uma variedade de pratos tradicionais que encantam paladares de todas as idades.

A História do Milho nas Festas Juninas

O milho é um ingrediente indispensável nas comemorações juninas, que são realizadas em homenagem a São João, São Pedro e Santo Antônio. Estas festas, que têm suas origens no período colonial, celebram a colheita do milho e outras culturas típicas dessa época do ano. No Nordeste do Brasil, especialmente, o milho é reverenciado como um símbolo de fartura e prosperidade.

A Influência do Milho na Gastronomia Regional

Cada região do Brasil tem suas variações de pratos feitos com milho, refletindo a diversidade cultural e gastronômica do país. No Nordeste, além da canjica e do mungunzá, o cuscuz de milho é uma iguaria comum no café da manhã e nas festas juninas. No Sul, o milho é ingrediente fundamental no preparo de pratos como a polenta, que tem suas raízes na culinária italiana.

Benefícios Nutricionais

Além de ser delicioso, o milho é um alimento nutritivo. Rico em carboidratos, ele fornece energia essencial. Também é uma fonte de fibras, que auxiliam na digestão, e contém vitaminas A, B e E, além de minerais como magnésio e fósforo. O consumo de milho contribui para uma dieta balanceada e saudável.

O Papel do Milho na Economia

O mês de junho também marca um período importante para os produtores de milho, especialmente aqueles que cultivam variedades específicas para consumo humano. As festas juninas impulsionam a demanda por milho, beneficiando agricultores e estimulando a economia local.

Delícias Juninas Feitas de Milho

Junho é o mês em que o milho se transforma em uma infinidade de pratos deliciosos que aquecem as noites das festas juninas. Vamos explorar algumas das iguarias mais populares:

1. Pamonha

A pamonha é um prato clássico das festas juninas. Feita com milho verde ralado e temperado com açúcar ou sal, a pamonha é cozida envolta na palha do próprio milho, o que confere um sabor e aroma únicos. Existem variações doces, com adição de coco ou queijo, e salgadas, com recheios de linguiça ou carne seca.

2. Curau

O curau, também conhecido como canjica no Sudeste, é um creme de milho verde cozido com leite e açúcar. Servido frio ou quente, é polvilhado com canela em pó, tornando-se uma sobremesa irresistível para os amantes de doces.

3. Bolo de Milho

O bolo de milho é uma presença constante nas mesas juninas. Feito com milho verde, leite de coco e fubá, este bolo tem uma textura úmida e um sabor delicado que agrada a todos. Pode ser servido simples ou com cobertura de goiabada, queijo ou coco ralado.

4. Canjica

Diferente do curau, a canjica (conhecida como mungunzá no Nordeste) é feita com grãos de milho branco cozidos com leite, açúcar, coco ralado e canela. É um prato reconfortante, servido geralmente quente, ideal para as noites frias de junho.

5. Milho Cozido

Simples e delicioso, o milho cozido na espiga é uma das formas mais tradicionais de consumir milho nas festas juninas. Cozido com sal e servido com manteiga, é um lanche prático e saboroso.