Facebook jornal do sertão Instagram jornal do sertão Whatsapp jornal do sertao

Pernambuco, 21 de maio de 2024

Economia

Minha Casa, Minha Vida beneficiará famílias rurais em Pernambuco com 8,9 mil moradias

No 1º trimestre deste ano, a administração estadual cumpriu com suas responsabilidades ao investir aproximadamente R$ 221 milhões na área da habitação. Esse valor representa um aumento significativo em relação à média dos últimos quatro anos para o mesmo período.

Postado em 12/04/2024 2024 10:02 , Economia. Atualizado em 12/04/2024 10:05

1: Ricardo Stuckert/PR

 

A governadora em exercício Priscila Krause comemorou, em Brasília, a aprovação de 8.947 casas do programa Minha Casa, Minha Vida (MCMV) nas modalidades Rural e Entidades em Pernambuco. Durante o evento, realizado nesta quarta-feira (10), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva revelou que o estado foi contemplado com 6.203 moradias na categoria Rural e 2.744 na categoria Entidades. Complementando o Fundo de Arrendamento Residencial (FAR), o total de unidades habitacionais garantidas no estado chega a 19.223, o que equivale a 11,92% do total no país. Essa iniciativa beneficiará mulheres chefes de família, comunidades quilombolas, povos indígenas e famílias que residem em áreas vulneráveis.

Priscila Krause destaca a meta do governo estadual de construir moradias populares em Pernambuco para combater o déficit habitacional. O governo recebeu mais unidades habitacionais do que o esperado e pretende entregar o maior número de casas da história para famílias necessitadas. A parceria com o Ministério das Cidades é valorizada.

Com investimento nacional previsto de R$ 11,6 bilhões, a seleção das novas moradias vai atender mais de 440 mil pessoas em todo o país. “Estou exigindo que todas as casas tenham varandas, para que as pessoas tenham um espaço de lazer. Queremos um país em que as pessoas vivam decentemente e em harmonia. Dar dignidade às famílias brasileiras é a nossa prioridade”, ressaltou o presidente Lula.

Para o ministro das Cidades, Jader Filho, esse é mais um momento histórico para o Brasil. “É um marco na luta que este governo empreende para garantir ao nosso povo um direito fundamental em qualquer sociedade, que é ter um teto para morar. São 15 anos do Minha Casa, Minha Vida tornando possível o sonho da casa própria para milhões de brasileiros”, enfatizou.

Somente no primeiro trimestre deste ano, o Governo de Pernambuco executou R$ 221 milhões na área da habitação. Isso significa mais de 20 vezes a média dos últimos quatro anos, no mesmo período, o que aponta para a prioridade que a gestão estadual tem dado para a política de habitação de interesse social.

Dentro do programa Morar Bem, já foram entregues 696 unidades habitacionais: Canal do Jordão, em Jaboatão dos Guararapes (272 unidades), Mulheres de Tejucupapo, no Recife (232), e Severino Quirino, em Caruaru (196). Na frente de regularização fundiária, já foram regularizados 5.397 títulos de propriedade em Pernambuco. Na modalidade Entrada Garantida, um total de 1.672 pernambucanos já receberam os R$ 20 mil para dar entrada na casa própria. Atualmente, mais de 5,7 mil imóveis estão listados para compra em 13 municípios do Estado.